Não é bem assim

20 09 2007

logo_stjd.gif

Fábio Moura 

Mais uma vez discordarei do meu companheiro Bruno  Martins. Porém dessa vez não vou voltar ao assunto da “foquinha” e seu drible, pois minha opnião já foi dada em post anterior. Minha contrariedade dessa vez, se refere a somente um aspecto apontado no comentário abaixo, quando Bruno diz “Espero que o STJD puna também esta figura pra deixar de ser infeliz”, ele acaba concordando com a pior coisa do futebol brasileiro. Dar razão a algo que já a algum tempo vem tentando estragar o futebol, fazendo punições idiotas e sem sentido (vide os casos Dorival Junior, Mano Menezes e Renato Gaucho), e não punindo quem deveria ser punido (Caso Dodô), é aceitar a ditadura imposta pelos “procuradores” do STJD. Qualquer frase mais contundente, já é motivo para que o “procurador” requisite a fita para punir o pobre coitado que quis dar sua opnião. Desse jeito os treinadores, jogadores e até cartolas vão parar de falar, de expressar sua opnião e até mesmo de fazer as costumeiras provocações, e o futebol vai virar um esporte triste onde todos viverão com medo da punição.

Anúncios